Nova Mutum, 18 de Março de 2019
DÓLAR: R$
Logomarca

Segunda-Feira, 07 de Janeiro de 2019, 14h:25 | A | A

POLÍCIA

DERF apreende adolescente envolvido na morte do professor da UFMT em Sinop, ele é o terceiro

Por: Visão Notícias

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Investigadores da Delegacia Especializadas em Roubos e Furtos (DERF) apreenderam na manhã desta segunda-feira (07) um adolescente de aproximadamente 16 anos. Ele é o terceiro envolvido na morte do professor universitário Francisco Moacir Pinheiro Garcia, de 54 anos. O local da apreensão não foi informada, mas a participação dele foi confirmada pelo Victor Fernando, de 20 anos, envolvido no assassinato do professor e preso na tarde do ultimo sábado (05).

O delegado Ugo Reck confirmou que o Victor e o adolescente foram os executores do latrocíonio. Durante depoimento o menor confirmou a versão do Victor e também disse que a ordem de matar o professor partiu do Rodrigo Pozzer.

As buscas, segundo o delegado, é para encontrar a arma calibre 22 usada para matar o professor. "A arma era alugada, concluiu o delegado.

Como já informado, Victor Fernando de Oliveira foi encontrado em uma bicicletaria na Rua das Dracenas, no Jardim das Palmeiras. Ele foi confirmado como o segundo participante no assassinato do professor universitário que atuava em Sinop. 
 
O delegado confirmou também que o crime teria sido motivado por roubo. Conforme já noticiado na última sexta-feira (04) um rapaz de 32 anos, identificado como Rodrigo Pozzer, suspeito de assassinar o professor universitário Francisco Moacir Pinheiro Garcia, 54 anos. O suspeito estava com o carro da vítima, mas com placa adulterada e foi detido na praça de pedágio entre Sinop e Sorriso.

O delegado Ugo de Mendonça, confirmou que ele ja estava sendo investigado como suspeito por ter livre acesso ao condomínio onde o professor morava.

Como já noticiamos, o boletim de ocorrência do desparecimento foi registrado apenas hoje (20), mas os amigos estão procurando desde o último dia 18. O documento policial relata que foram diversas tentativas de falar com o professor e apenas mensagens por um aplicativo eram respondidas.

Os amigos desconfiaram que não seria Francisco devido aos erros de ortografia nas menagens. Ainda conforme o boletim, em outra mensagem ele chegou a desmarcar a consulta de cirurgia no ombro direito que seria ontem (19). 

Na continuação da conversa o suposto professor relatou que estaria pronto para dirigir e iria viajar para Alter do Chão no Estado do Pará e os erros permaneciam, o que levantou mais suspeitas. Depois as mensagens e ligações não foram respondidas.

O caso continua sendo investigado.

Como já noticiado em Primeira Mão pelo site Visão Notícias, um homem, ainda não identificado, foi encontrado morto na madrugada do último sábado (15) em uma região de mata na MT 423 entre os municípios de Claudia e Sinop. Uma ligação informou a localização onde a vítima estava. Os policiais militares estiveram no local e encontraram o homem caído e com uma perfuração de arma de fogo na nuca.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, uma pessoa estava praticando a caça de aninais quando ouviu o barulho de tiro em direção a rodovia estadual e um carro fugindo. Depois de andar alguns metros o corpo foi encontrado.

COMENTÁRIOS





ENQUETE POWER MIX

QUAL MEIO DE COMUNICAÇÃO VOCÊ UTILIZA PARA FICAR INFORMADO?