Nova Mutum, 19 de Julho de 2019
DÓLAR: R$
Logomarca

Terça-Feira, 09 de Julho de 2019, 14h:09 | A | A

POLÍCIA

Marido que executou ex com tiro de 22 se mata na frente da polícia em MT

Por: Folha Max

Foto: Folha Max

Foto: Folha Max

Marcos Rogério de Lima, acusado de matar a esposa Débora de Oliveira Silva, 37, nesta segunda-feira, cometeu suicídio na manhã desta terça-feira (09). Ele tirou a própria vida quando foi localizado por policiais civis, num barraco no Distrito de Caravajo, em Sorriso (400 quilômetros de Cuiabá).

Segundo policiais, denúncias levaram ao local onde o rapaz se escondeu. Ao localizá-lo, os agentes da Segurança Pública tentaram negociar sua rendição.

Neste momento, a equipe policial da Divisão de Homicídios de Sorriso ouviu um disparo de arma de fogo. Os policiais, então, entraram na casa e constataram que Marcos Rogério efetuou um disparo de arma de fogo contra seu próprio queixo.

Os policiais ainda prestaram socorro, colocando-o na viatura e o transportando até o pronto-atendimento de Nova Ubiratã. Contudo, ele faleceu após dar entrada na unidade médica. 

O suspeito é acusado de matar Debora de Oliveira Silva, 37, na segunda-feira (08.07), que foi socorrida pela ambulância do pedágio Rodovia MT-242, que liga Sorriso ao município de Nova Ubiratã. Ela foi levada ao Hospital de Sorriso, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Segundo as informações, Marcos Rogério efetuou um disparo de espingarda no rosto da mulher.

GALERIA DE FOTOS

COMENTÁRIOS





ENQUETE POWER MIX

QUAL MEIO DE COMUNICAÇÃO VOCÊ UTILIZA PARA FICAR INFORMADO?