Nova Mutum, 16 de Novembro de 2018
DÓLAR: R$
Logomarca

Quarta-Feira, 07 de Novembro de 2018, 20h:56 | A | A

ECONOMIA

Sorriso: lançada pedra fundamental de usina que visa gerar quase 2 mil empregos

A FS Bioenergia terá investimento de R$ 1 bilhão

Por: Power Mix com Portal Sorriso

Foto: Portal Sorriso

Foto: Portal Sorriso

Sorriso, a Capital Nacional do Agronegócio, é a maior produtora de soja e milho do Brasil, e é vista como um local estratégico e importante para investimentos. De olho nisso, a FS Bioenergia, a primeira usina de etanol 100% do milho do Brasil, lançou, nesta tarde (7), a pedra fundamental de sua segunda planta no Brasil, na zona rural, BR-163, no km 768, local onde será construída a nova planta, que deverá ser inaugurada em fevereiro de 2020.

A unidade de Sorriso terá um investimento de R$ 1 bilhão, irá gerar quase 2 mil empregos diretos e indiretos, e terá uma produção prevista de 530 milhões de litros de etanol por ano. A primeira fase terá investimento de R$ 700 milhões e o restante, R$ 300 mil, na segunda etapa.

Rafael Abud, CEO da FS Bioenergia e acionistas, falaram sobre as perspectivas do mercado, e apresentaram um balanço do primeiro ano e meio de operação da companhia, bem como os planos para a região.

“Esse é um momento muito importante para a companhia. Estamos finalizando a duplicação da fábrica, em Lucas do Rio Verde, que acontece inauguração em fevereiro de 2019. É uma industria que traz um desenvolvimento importante econômico para a região a medida em que se desenvolve várias cadeias diferentes do agronegócio”, destacou Abud.

Com capacidade de armazenar 400 mil toneladas de milho, a previsão é que sejam utilizadas 1,2 milhão de toneladas do grão por ano para uma produção anual de 340 mil toneladas de farelo de milho e 17 mil toneladas de óleo de milho.

Considerando as duas usinas combinadas (Lucas do Rio verde - sede da companhia - após a expansão e Sorriso), a FS Bioenergia terá capacidade de produção de 1.06 bilhão de litros de etanol, 680 mil toneladas de farelo de milho e 34 mil toneladas de óleo de milho por ano.

O prefeito de Sorriso, Ari Lafin, destacou a perspectiva de densenvolvimento econômico com a vinda de mais uma grande empresa à cidade. "É una grata satisfação de recebermos mais um grupo de investidores e nós estamos muito felizes como gestão e municípes em recebermos esse investimento", frisou.

O chefe do Executivo informou que enviará à Câmara de Vereadores um projeto para isentar o Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN) sobre a obra como incentivo à empresa. “Queremos que essa obra possa, o mais rápido possível, trazer os resultados esperados, sobretudo quanto à geração de empregos”.

GALERIA DE FOTOS

COMENTÁRIOS





ENQUETE POWER MIX

Você faz alguma atividade física regular (mais de 2 vezes por semana)?