Nova Mutum, 21 de Fevereiro de 2020
DÓLAR: R$
Logomarca

Quinta-Feira, 12 de Dezembro de 2019, 01h:21 | A | A

JUSTIÇA

Jovem acusado de matar adolescente com três tiros é condenado a 17 anos de prisão em Nova Mutum-MT

Por: Redação/Djeferson Kronbauer

Foto: Power Mix

Foto: Power Mix

O jovem K.G.D, 18 anos, acusado de envolvimento na morte de um adolescente de 17 anos, em março do ano passado, foi condenado em um júri popular realizado nesta quarta-feira (11), a uma pena de 17 anos de reclusão.

O crime aconteceu dia 19 de maço volta das 21h00, no cruzamento entre a Rua das Hortência e Seringueiras. Segundo a denúncia do Ministério Público Estadual (MPE), o réu teria procurado o outro suspeito, menor de idade, e pedido emprestado uma arma para que matassem a vítima. O crime seria motivado por uma suposta dívida de drogas.

Leia mais: Nova Mutum: Jovem é baleado por três disparos de arma de fogo e morre a caminho do hospital

A dupla teria encontrado o adolescente e questionado sobre a dívida. Segundo o MPE, o réu teria surpreendido o menor com três disparos de arma de fogo no tórax e na cabeça. Em seguida, os dois acusados teriam escondido a arma perto do “lagoão” de Nova Mutum e retornado no dia seguinte para buscar. O revólver teria sido guardado na casa do menor.

O rapaz de 18 anos acabou preso no dia 20 de março pelos policiais da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos. No dia seguinte, em audiência de custódia, o suspeito teve decretada sua prisão preventiva e permaneceu na cadeia pública de Nova Mutum.

Leia mais: Polícia Militar apreende menor suspeito de cometer homicídio na noite de ontem (19), em Nova Mutum

A defesa, em alegações finais, alegou que o réu é inocente, uma vez que o adolescente teria assumido a autoria do homicídio. Ainda recorreu ao Tribunal de Justiça, no entanto, a determinação para que o suspeito fosse levado a julgamento foi mantida.

No júri popular ocorrido nesta quarta-feira (11), o suspeito foi condenado, sendo fixada a pena de dezessete anos de reclusão pelos crimes de homicídio qualificado pelo motivo torpe mediante recurso que dificultou a defesa da vítima, e corrupção de menores.

Leia mais: Justiça manda a júri popular e mantém preso jovem acusado de matar adolescente em Nova Mutum

GALERIA DE FOTOS

COMENTÁRIOS





ENQUETE POWER MIX

QUAL MEIO DE COMUNICAÇÃO VOCÊ UTILIZA PARA FICAR INFORMADO?

Obrigado pela participação